RESENHAS DO LIVRO NA WEB

RESENHA DO LIVRO CRUZ DE FOGO PUBLICADA NO BLOG AFINS E LIVROS
Magia. Política. Lutas. Deus. É isso, e muito mais, que encontramos no livro Cruz de Fogo.  É livro muito, muito legal pessoal! O primeiro ponto que não posso deixar de comentar é sobre o vilão, Donovam, gente o cara não tem o mínimo de escrúpulos de um ser humano comum!! Ele mata, manda matar, quer "governar o mundo"!! Enfim, um dos melhores vilões que eu já vi, afinal se é para ser vilão, que seja direito! 
Ao longo livro, acompanhamos uma narrativa onisciente, que é ótima para podermos observar toda a mudança psicológica e espiritual  sob a qual o protagonista, Alam, é submetida. Essa análise do narrador "que sabe de tudo" é incrível também nas batalhas, onde podemos ver todo o desgaste dos envolvidos. 
Só tenho uma crítica a fazer, que é em relação a queda que o livro sofre. O livro começa de maneira brilhante, já com batalhas e a vida do protagonista mudando completamente. Entretanto, essa vida dará uma estagnada, tudo bem, normal, ele tinha que por a cabeça em ordem. Só que essa estagnada começa a durar um pouco demais, você começa a acompanhar uma rotina de um homem comum reconstruindo sua vida. Mas esse livro não merece uma crítica em relação a essa queda pois, ok ela foi meio cansativa de ser lida, o livro pode ficar um pouco enfadonho, porém a reviravolta é espetacular!! Temos mais batalhas incríveis e a partir daqui eu não falo, pois senão, vira spoiler! Mas pessoas, o que foi o final, foi muito bom e eletrizante!! 
Eu só tenho um aviso aos possíveis leitores dessa obra. Caso você tenha alguns tipo de "aversão" (vamos colocar assim) a assuntos relacionados ao Cristianismo e a Deus, esse pode não ser seu livro favorito, pois sim entramos em contato com cultura cristã, Deus é louvado, existem trechos da Bíblia na história. Poderíamos dizer que o livro é até cristão, entretanto esses fatos podem até ser relevantes para a história, porém da mesma forma você pode passar por cima, até porque esses fatos não são de difícil compreensão. 
O autor - que se prende bastante a uma narrativa detalhista, porém ótima de se ler, uma narrativa muito boa e que flui - nos mostra, de maneira genial, a cidade de Ottawa, no Canadá, onde a história é situada. Eu, particularmente, adoro esse recurso, pois te faz vivenciar muito mais a história, podendo explorá-la de maneira muito rica. 
Em suma pessoal, o livro é muito bom! Trata de temas bem interessantes, tais como já citei, uma mistura de magia e política. Além de que, esse livro nos traz algumas reflexões, como a de que "será que o poder é realmente a coisa mais importante?" ou "será que não é bom nós sermos um pouco mais altruístas, pensarmos nos outros, valorizar o que fazem por nós, além de valorizar os pequenos momentos da vida?". O autor está de parabéns com o livro e eu, claro, recomendo!!